NOTÍCIAS DE MARACAÇUMÉ/JUNCO DO MARANHÃO E REGIÃO. Contato: (98) 98721-8362 E-mail: blogdorenatocosta@gmail.com

sexta-feira, 1 de maio de 2020

Sepultamento da professora Nancy foi em São Luís com presença de poucos familiares



Aconteceu na manhã desta sexta-feira (01) o sepultamento da professora Nancy Froes em São Luís. A cerimônia foi reservada apenas para pouco membros da família com caixão fechado.

A população de Maracaçumé lamenta o fato de não poder se despedir da grande educação que ela foi. Porém, os procedimentos adotados é rotineiro em todo o país e obedecem às regras dos órgãos sanitários.

Nancy Froes morreu na tarde desta quinta-feira (30) de complicações respiratórias na capital. Ela já vinha sofrendo de vários problemas de saúde nos últimos anos. O quadro se agravou com as complicações ocasionada pela COVID-19.

Nas redes sociais Nancy foi homenageada por amigos, familiares e ex-alunos de todos os cantos do Brasil que choraram a perda.

“Meu coração chora de tristeza. Estou emocionalmente abalado. Sinto-me impotente com essa notícia” escreveu um colega de profissão.

“Meu Deus sem palavras aqui, que triste notícia! Ela também fez parte da minha infância lembro que cantei a música da primeira candidatura dela e ela ganhou! Meus sentimentos a toda a família” uma ex-aluna anotou.

Uma colega de profissão e ex-aluna escreveu: “Professora Nancy, descanse em paz, que Deus em sua infinita graça console o coração de quem teve o prazer de lhe conhecer, afinal vais deixar para trás, as filhas, a família, os alunos e ex-alunos, os amigos, serviu ao senhor e fez seu melhor aqui na terra. Esperamos em Deus em lhe reencontrar.” 

A filha casula relatou a dor que está sentindo pela perda da mãe: “Eu não tenho palavras para expressar o que eu to sentindo agora, apenas uma dor que nunca vai passar. Você foi a mulher mais perfeita que eu já vi na vida , tenho muito orgulho de ser sua filha , você não era só minha mãe era minha amiga, aquela que sempre me dava os melhores conselhos, era tanto minha amiga que eu não sentia falta de ter outras amigas por fora você já era o suficiente, era a pessoa com quem eu podia sempre contar, a gente sempre estava juntas, você foi uma guerreira deu conta de duas filhas, de cuidar de tudo sozinha ... como você vai fazer muita falta , as nossas conversas, como você amava os meus filhos fazia de tudo por eles por nós . Eu te amo muito”.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Editado e Instalado por