NOTÍCIAS DE MARACAÇUMÉ/JUNCO DO MARANHÃO E REGIÃO. Contato: (98) 98721-8362 E-mail: blogdorenatocosta@gmail.com

sábado, 30 de novembro de 2013

NÃO TROQUE O CERTO PELO DUVIDOSO


As relações humanas estão cada vez mais superficiais. Os valores perderam os seus significados.  As palavras são ditas sem reflexão e as amizades são abatidas por coisas pequenas e sem importância.

Outro dia vi alguém falando que não aguenta mais esse mundo e já queria ir embora. Claro, essa pessoa falou com tom de brincadeira, mas tem sentido a expressão, porque o mundo está de cabeça pra baixo e fica cada vez pior.

O advento da tecnologia separou os vínculos das pessoas. Antes, se contava anedota na frente das casas: pais, filhos e amigos compartilhavam alegria das histórias dos tempos idos.

Hoje não existe mais isso... o facebook transformou as relações!

Já é de praxe contemplar brigas e discursões nas redes sociais, é o pior, de pessoas que um dia foram amigos (assim eles dizem). Aqui em Maracaçumé dar pra escreve livro com relatos desses.

O ser humano já gosta de balburdiar (isso não se discute) e o sistema oferece inúmeras maneiras de acabar com as relações. Um exemplo: a política. Ela gera blá-blá-blá pra todos os lados e coloca na berlinda varias pessoas. Algumas, até entram na brincadeira e não se deixa contaminar, mas tem outras que cortam as relações.

Como vocês sabem, eu escrevo contra o governo, e na situação tem pessoas que intendem esse papel, mas tem outras que querem levar pra lado nefasto, já me ligaram ameaçando e outras pessoas cortar afinidades.

Uma coisa: tem indivíduos de pensamentos primórdios, que por trabalhar no governo não pode ter amigos opositores, porque segundo esses, pode se queimar com o prefeito. Esse é abitolado crônico! Não sabe o que é abitolado? Respondo-te: aqueles que têm ideias limitadas e segue comportamentos rígidos e ultrapassados.

Onde já se viu isso, cortar as relações por política. Os políticos são os mais atrozes de todos. Entre eles não existe inimigos. No tempo das alianças, as diferenças são colocadas de lados, e no palanque chove de palavras de amor...  É só voltar um pouco na história que você vai ver que não vale apenas brigar por eles.

Sou a favor do respeito das pessoas. Um exemplo bem nítido pra terminar o texto e sobre a minha amizade com Fernando Nascimento. Temos opiniões divergentes, mas isso não abala nossa amizade acadêmica. E quem vê pensa, verdadeiramente, que estamos em pé de guerra, mas não tem nada a ver, o bom senso ainda prevalece, acho que a conhecimento ajuda muito neste momento.

Portanto, cuidado com o que falas e escreve. Seja moderado. A moderação é o primeiro passo pra chegar ao altruísmo.

Não troque o certo pelo duvidoso. As amizades ainda são mais valiosas do que uma discursão besta e sem sentido no facebook.

RENATO COSTA

 

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

JÁ ACABOU!


Não era miragem, era mesmo as hienas e o papel Noel em frente ao Lemos supermercado (ou falta de criatividade) rodeados de lâmpadas piscando anunciando que já e natal. Já chegou? Gente, parece que ano começou ontem e já dar sinal que vai embora sem deixar saudade. Mentira. Vai deixar sim! Foi ano esplendido de aventuras, amores e decepções. E desde quando decepção é esplendido? Desde que eu decidi e pronto!

Claro, esse ano, também, foi e está sendo mágico, pelo menos pra mim que vou casar. O ano não deve ser magico para quem está fazendo o contrário, ou seja, dando adeus as alianças. E olha que tem tanta gente caída fora do barco, e eu, teimoso, querendo entrar, todavia o meu enlaçar, se Deus quiser, vai chegar ao final dos finais, tocando aquela musica do Titanic.

Não será igual o Titanic que naufragou sem completar a primeira viagem. Longe de mim essa cláusula, o meu casamento é para sempre, e é pra ser – se não feliz até que a morte os separe – mas pelo menos que seja até que a noite chegue, (brincadeirinha, gente)... Dany, você sabe que eu gosto de brigar.

Esse ano será inesquecível também por causa da política. Um ano de decepção que pretendo nunca mais repetir. Criei inimizades com quem jurava amor eterno e me aliei a quem não era muito fã. A vida me brindou com uma situação que jamais pressagiei... Porem aconteceu, e isso, até hoje me deixa magoas e feridas que nem o tempo consegue curar.

Acreditar em pessoas não é mais o meu foco. Já cheguei a questionar meus talentos que não me valem de nada. Porque não é valorizado e muito menos me trás afago, ao contrario, me torna uma  pessoa cada vez mais adiado e excluído. Isso não é bom e isso já foi detectado há tempos, mas o amor pela escrita me faz ir contra essa barreira e os resultados todos vocês sabem.

Se não sabem vou contar: outro dia recebi uma ligação de uma pessoa que conheço apenas de nome. Uma voz alterada, ameaçadora e começou a tomar satisfação. Queria saber por que seu nome estava sendo arrolados na internet e, segundo ele, eu tinha postado. Resumindo tudo: Ele falou o que queria e eu respondi a altura, porque eu estava na minha razão e no extremo quem tinha falado dele era outra pessoa dentro da minha postagem. Naquele texto dos bajuladores: lembram...?

É dessa forma, não ganho riquezas, mas ganho inimigo aos montes. Alguns fazem questão de me ignorar, outros ainda acenam e falam, tem aquele que viram a cara e pronto e tem aqueles que... deixa pra lá.

Esses eu não faço questão de aproximação porque provaram que são amigos da onça. Acreditar em seus verbos é o mesmo que acreditar em Branca de Neve e os sete anões.

Minha mãe é uma graça e fala pelos cotovelos. Esses dias ela chegou com uma historia cômica. Chegou dizendo que uma pessoa não gostava de mim por me achar muito orgulhoso. Advinha o que aconteceu comigo: Passei sete dias e sete noites sem dormir por causa disso.

Interessante que essa pessoa nem faz parte do meu ciclo de amigos e cobra algo sem nem um pingo de sentido. Nem motivos essa pessoa devia ter pra falar assim, mas tudo bem, o ser humano é um ser complexo. O mundo está cheio de idiotice como essas? Por falar nosso: Tem aí, também, alguém que me ache assim? Fale agora ou cala-se para sempre!!!

O importante pra mim são meus amigos, não sei até onde anda a sinceridade deles, mas acredito na lealdade de alguns, e por isso preservo esses poucos que tenho. Dar pra contar nos dedos, todavia são pessoas legendárias e, que, sempre que posso, gosto de está junto e conversar.

Enfim... daqui a pouco o ano se fecha, contudo, ainda tem alguns dias, pra quem não fez, e ainda desejar, fazer algumas peripécias santas.

Nunca é tarde pra começar ou recomeçar alguma coisa.

O tempo não parar. E o ano que está chegando ao fim reflete muito bem isso, passou voando por minha cabeça e eu nem vi. Foi só comigo ou aconteceu com você também?

Até a próxima postagem... Deixe seus comentários e curta bastante!

RENATO

 

 

 

  

 

  

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

A LIGAÇÃO DA ROSEANA


 


Inesperadamente o telefone toca. Do outro lado da linha, ela, a toda poderosa do Maranhão, Roseana Sarney.

Ela:

- Alô, é o Renato Costa? O blogueiro mais polêmico de Maracaçumé?

Eu:

- Que nada! Isso é invenção da oposição.

Ela:

- Pois não é o que chegou aqui no palácio dos leões. Meus assessores já investigaram e viram que seus textos faz sucesso, indo e voltando, em Maracaçumé e adjacências.

Eu:

- Não exagere! Mas quer honra toda poderosa do Maranhão. Estou me sentindo o primeiro biscoito do pacote com uma ligação sua. Que ventos foram esses?

Ela:

- Meu lindo, estou desesperada. Você sabe que estão querendo tomar meu Maranhão. Aquele forasteiro do Flavio Dino quer assumir meu império que papai deixou de herança. Eu não posso permitir que ele faça isso. Por isso, estou te ligando, porque tenho alguns milhões pra investir, mas quero sabe em quais cidades eu tenho maioria.

Eu:

- sim, e onde é que eu entro na história rainha do Maranhão? Eu não sou prefeito, muito menos vereador, sou apenas um professor concurso. Perseguido. Com salario descontado e ainda lotado, lá onde Judas perdeu as botas.

Ela:

- É mesmo? Vai dizer que o prefeito Chico Velho está te perseguindo?

Eu:

- não, não é Ele. Mas é um próximo daqui chamado Arnobio, aquele lá do Centro Novo.

Ela:

- meu querido Renato, pode deixar que vou resolver isso. Se esse prefeito não te colocar onde você quiser vou cortar todas as verbas da cidade.

Eu:

- Não quero que faça isso, mas quero que você ligue pra lá e mostre que você ainda tem poder nesse estado falido. Ops! Estado soberano!

Ela:

- Vou fingir que não escutei o que você ponderou na ultima frase. Você não sabe com quem está falando? Eu sou a rainha deste estado. O império está aos meus pés. Eu mando e desmando. O jornal, a televisão, os rádios, tudo é meu. Eu não vou permitir que ninguém entre no meu caminho. Você está me escutando?

Eu:

- ok, majestade, eu entendi o recado. Vou lhe adiantar logo: a situação em Maracaçumé não é das melhores. O prefeito diminuiu o salário, o pagamento não sai no dia certo, o nepotismo aqui predomina, o prefeito abandonou os aliados, resolveu perseguir internautas e as obras do ex-gestor ele não quer terminar. A cidade está jogada as cobras.

Ela:

- É mesmo? Pois me falaram que a cidade estava indo de vento em polpa, ou seja, que Chico Velho tinha desenrolado tudo. Porque essa era a música dele, não era isso?

Eu:

- sim, era assim governadora: “Chico Velho vem acabar com as enroladas”.

 

ELA DO OUTRO LADO DA LINHA, ELA MORRENDO DE ACHAR GRAÇA, COMENTANDO COM RICARDO MURAD.

 

Ela:

- Eita prefeitos que não aprendem – depois das gargalhadas –  tenho que abri uma escola pra formar bons prefeitos e que me deem muito votos. Enquanto isso, vou ter que agir do meu jeito – um silencio do outro lada da linha, mas logo retornou –. Renato... gostei muito de falar contigo! Escute... Adicione-me no meu facebook porque de agora em diante nós vamos falar bastante. Deixe registrado meu celular na sua agenda e quando precisar é só ligar.

Eu:

- Pode deixar poderosa do Maranhão. E acredite: o forasteiro não vai tirar o seu Maranhão. Você vai continuar reinado pelos próximos 40 anos. E, claro, fazendo deste estado o melhor da nação.

Ela:

- Que lindo! Que declaração. Fazia muito tempo que não ouvia nada parecido. Você merece um cargo comissionado no palácio dos leões.

Eu:

- Não, eu prefiro ficar por aqui mesmo!

Ela:

- Tchau! Até mais, e vou já ligar pra Arnobio te ajeitar lá no Centro Novo.

Eu:

- Faça isso que eu prometo fazer campanha pra você nos próximos 40 anos.

 

EU E ELA Desligamos o telefone juntos:

Eu off...

Ó coitada! Vai perder do Flavio de lapada! Uma pisa pra descontar os 40 anos de atraso do sofrido Maranhão.

 

RENATO COSTA

 

 

 

 

domingo, 3 de novembro de 2013

NÃO TENHO CULPA NO CARTÓRIO


Interessante que eu crie o prêmio bajulador do ano e não citei nome de ninguém, justamente pra não ferir a inteligência de nenhuma pessoa. E tem gente, na própria administração, fazendo essa lista, e eu é que estou obtendo a fama... Recebendo ligação de pessoa que nem conheço, querendo satisfação. E se alguém citou o nome nos comentários das postagens, que esse alguém vá atrás de quem escreveu e não eu, que faz tempo que não cito nome de ninguém em meus textos. Que fique bem claro isso!

RENATO

NOSSA SENHORA DOS IMPOSSÍVEIS.

 
Andando pela estrada do sofrimento encontro um homem de joelhos com rosto ao chão, me aproximo é pergunto: “O que fazes de joelho pobre homem?”.

Ao que ele responde sem olhar pra mim: “Estou fazendo uma promessa pra Nossa Senhora dos Impossíveis... A santa que cuida das promessas que os políticos esqueceram e até agora não cumpriram”.

Eu perplexo indago: “Ainda tem essa? Meu Deus, essa Santa deve ser a mais forte de todas, porque fazer milagre em cima de promessa de político é prova”.

O homem levanta e continua a prosa: “É por isso que estou aqui fazendo o meu pedido acreditando nela”.

Eu curioso, como sempre, pergunto: “É qual é o seu pedido da vez?”.

Ele responde: “Quero apenas que ele venha pintar o ponto de apoio que funcionou como comitê. O candidato me pediu e até hoje não veio cumprir com a promessa. Está vendo esses nomes e siglas – apontando com dedo mostrando pra mim - estão aí deste o ano passado e não pretendo pintar. Quero que ele venha fazer o serviço porque a porcaria quem fez foi ele”.

Fiquei calado e vendo o nome do candilado na parede da casa. Sai de fininho e desejei boa sorte com a tal promessa.

Alguém aí curioso pra saber se a historia é verídica ou coisa da minha cachola? Aposto que já tem gente deduzindo quem seja o tal politico. Mas não faça isso!

Quero apenas dizer que...

Essa historia é verdadeira, ela aconteceu no planeta plutão. Numa cidade chamada Desilusão, e que tem um prefeito por nome...

É segredo o nome do prefeito!

Quem sabe quando o milagre acontecer eu não volte a contar todos os mistérios que envolvem esse enredo.

RENATEX

A IMPORTÂNCIA DO ELOGIO


Um homem foi jantar na casa de um amigo e ficou impressionado com a maneira que ele tratava sua esposa. Depois de perguntar como fora o dia dela, o marido disse que ela estava linda. Depois do jantar, ele elogiou a esposa pela comida e agradeceu. Mais tarde, o visitante perguntou:

- Por que você trata tão bem sua esposa?

- Porque ela merece e porque isso torna o nosso casamento mais feliz – respondeu o anfitrião.

O visitante resolveu adotar a ideia. Ao chegar em casa, abraçou a esposa e disse:

- Você está maravilhosa! – disse, completando em seguida: - Meu bem, sou o homem sortudo do mundo.

A esposa começou a chorar copiosamente. Confuso, ele perguntou:

- Qual o problema?

- Que dia! – ela disse, chorando: - Billy brigou na escola. A geladeira enguiçou. E agora você chega em casa bêbado!

Podemos até ri da piada. Contudo, é trágico constatar que isso é um reflexo da maneira como as coisas às vezes acontecem em nossos lares. Somos chamados para viver em um padrão mais elevado de amor conjugal, capaz de refletir o amor sacrificial de Cristo. A dor e o sofrimento não são necessariamente parte disso, e sim a coerência e o cuidado.

POR: ROBERT LESLIE

MURRO EM PONTA DE FACA


Talvez sua vida não esteja tão bem o quanto você tenha planejado. Teus projetos lindos, quem sabe, não saíram do papel, ou pior, a decepção, resolveu, bater em sua porta de uma forma nunca imaginada.

Essas indagações mexem com a gente, e algumas vezes, pensamos igual o Felix da novela: “Será que salguei a santa ceia?”... É, tem momentos que a (sorte) pega as malas e viaja em direção ao planeta “desilusão”.

Quem nunca se viu sozinho rodeado de pessoas? Quantidade não é qualidade! Uma boa conversa, em tempo de crise, às vezes, é remédio que pode até curar. Mas, quando mais precisamos dos amigos, entre aspas, desaparecem da existência da terra. Verdade ou mentira?

Todo mundo passa pelo vale da sombra da morte em um momento da vida. Os sonhos, lindos no começo, contemplamos se transformar em alvitre. A tristeza é inevitável nessas ocasiões: choramos, pulamos, gritamos, chutamos a porta, o balde, o penico e, tudo que tiver na frente e nada acontece pra retroceder ao começo feliz.

O grito não é solução, porque quanto mais gritamos, mais imperceptível se torna o som das palavras. É como dar murro em ponta de faca; os gritos são abafados pelo som da multidão que corre pra lá e pra cá e nem perceve que você está morrendo aos poucos, gritando de dor e o amor expirando – isso tudo aos olhos de todos, e todos com os olhos fechados pra não lhe contemplar.

Você pode está passando tudo isto, mas existe um Deus, que lá do céu te vê e sabe tua historia e pode reverter todo o seu passado de dor em um presente e futuro de paz e alegria.

Creia e terás vida nova!

RENATO

DEUS É MEU JUIZ


Diz um adágio popular que tudo que se planta se colhe. Se alguém planta vento colherá tempestade; se alguém planta paz colherá o amor. Isso é a lei da semeadura. Essa é lei mais eficaz que existe. A justiça do homem demora meses pra uma decisão e, às vezes, nada é decidido, porém a justiça divina, quando vem, leva tudo pela frente: arrogância, soberba, espírito de Jezabel, orgulho e muito mais. Sabe por quê? Porque a justiça de Deus não falha. Confiar nessa integridade é mais prudente. Deus é meu Juiz! Ele julgará as minhas causas fielmente e saberá, no tempo certo, derramar suas recompensas sobre a minha vida. Eu acredito nisto!
DEUS É MEU JUIZ, ADVOGADO E PROMOTOR – O RESTO É O RESTO.
 
RENATEX

ESTEJA NO CONTROLE



Grande Deus, razão da minha existência. Adorar-te é meu prazer, apreciar os teus milagres é o meu querer, sempre, sempre, sempre!

Não existem vendavais, laços de morte que seja capaz de me afastar do teu amor, pois é meu bem querer, minha alegria de viver, meu escudo inabalável, força grande que me comete vencer.

Tudo que sou... Tudo que tenho..., tudo que ainda vou ser, foi assentado por suas mãos. Sou escolhido e protegido, nenhum mal, terá comigo, forças pra mim fazer desabar.

Todos os meus inimigos apreciam e contemplam a perfeição do teu amor na minha biografia. Como eu sou grato por tudo até aqui. Deus, sei que não merece, mas quero te dizer: obrigado de coração!... Pelas grandes aflições, decepções e muita dor. Obrigado, porque isso me ensinou a ser uma pessoa mais feliz.

Obrigado, até por aquilo que eu não acho justo, mas tudo está em tuas mãos, só peço uma coisa meu Senhor: Esteja no domínio de tudo e não permita que eu tome decisões sem que o teu querer seja o primeiro.

RENATO COSTA
← Postagens mais recentes Postagens mais antigas → Página inicial
Editado e Instalado por