NOTÍCIAS DE MARACAÇUMÉ/JUNCO DO MARANHÃO E REGIÃO. Contato: (98) 98721-8362 E-mail: blogdorenatocosta@gmail.com

domingo, 27 de novembro de 2011

NOVAMENTE EU


No próximo dia 14 de Dezembro de 2011, esse próprio que vos escreve o sublime “Renato” completará mais um ano no jardim de sua existência, 28 anos no total... cheio de vida e esperança e, abarrotado de projetos audaciosos para o vindouro, planos esses  que o tempo se encarregará de dizer aos quatro extremo do que se trata.

Enquanto esses dias felizes não chegam, estou apenas a tencionar, ou seja, a preparar-me para esses dias que serão como diria alguns por aí “impas”. Ser-se-ão ou não? Estarei preparado para quando eles chegarem: com espada, escudo e uma cordilheira de fé, pois como diz a Bíblia: Sem ela é impossível agradar a Deus – e isso, é o que mais quero atualmente.

A vida é assim, se planta agora para se colher depois, e se depender de mim, a minha plantação não terá fim, justamente para que meu proveito seja abundante e infinitamente. Lutarei com unhas e garras e chegarei ao lugar que tanto almejo... isso não é vontade não é propósito de vida.

Alguém pode pensar o contrario, mas eu não!

RENATO

sábado, 19 de novembro de 2011

AGITADA VIDA


Há nove meses minha vida é assim: aos sábados e domingos – intercalando um sim, um não – vou para faculdade onde curso administração de empresas já em fase de conclusão. Na segunda-feira viajo para o Chega Tudo onde leciono para uma turma de 18 alunos de 4º e 5º ano... Acho isso magnífico, pois salvou esse ano, embora tenha gritado “não” no começo, hoje descobrir que essa experiência foi tudo e será lembrada para sempre por mim, pena que já está acabando, mas quem saber no ano que vem não se repita?

Quando retorno a Maracaçumé sempre às sextas-feiras, no dia seguinte tem sempre algo pra ser feito, por exemplo: no 1º sábado de cada mês, reunião com a oficialidade da igreja no qual eu sou o secretario geral, portanto, não posso faltar. No 2º sábado, aula de teologia e sou o organizador do núcleo, o 3º sábado reunião com a coordenação da mocidade à tarde e sou o secretario e mesmo não querendo ir, vão em  meu domicílio me buscar, o 4º sábado “graças” é livre durante o dia, pois vez e outra têm aula de administração a noite.

Durante toda semana tenho que fazer mil coisas como: cuidar da minha livraria, preparar aula, pagar contas, escrever, fazer trabalhos, ler livros e revistas e ir à igreja aos domingos, segundas e sextas quando posso –, pois ninguém é de ferro...  e durante a noite.

Alem disto tudo, ainda ajudo a coordenar uma gincana gospel que vai até janeiro, onde cinco equipes estão disputando um prêmio de uma viajem ao Hotel Fazendo em Capitão Poço. E todo primeiro domingo de cada mês acontece este grande evento, e quando digo grande, não estou exagerando estou falando a mais pura verdade.

No meio disso tudo, ainda encontro tempo para navegar na internet, atividade pela qual me viciei e não largo jamais, pois é onde me informo, divirto-me, me expresso e mais... Escrevo tudo o que penso.

TERRA E CÉU


Todo mundo quer ir para o céu, mas ninguém aspira morrer. Essa frase se ouvir as pilhas por onde se percorrer. O que não bate nesse contexto é que ninguém vai ao céu sem antes morrer, e até hoje quem morreu nunca voltou pra dizer como é por lá. Controverso isso em?

A verdade nua e crua é que mesmo o céu sendo desenhado como o lugar belíssimo, onde as ruas são de ouro, muros de cristal e ambiente onde não existe o maligno O homem prefere a terra e suas iguarias... Mesmo sabendo dos riscos do vindouro.

Sabeis o porquê disso queridos leitores? Porque é bom viver, e não há nada melhor do que abrir os olhos todos os dias e ver e fulgor do sol pairando sobre a janela, e após abrir os olhos poder beijar, abraçar e sentir o sabor da vida a cada novo segundo. Por tudo isso e muito mais, eu brado: “morte vá-te pra lá... Pois pretendo viver mais alguns 200 anos”. Alguém concorda comigo? Se sim, vê se comenta este post.

RENATO

terça-feira, 15 de novembro de 2011

TEMPLO CENTRAL DE 2014


Esta imagem que você vê acima é do projeto definitivo do novo templo da AD de Maracaçumé previsto para ser inaugurado em Dezembro de 2014 – uma linda igreja que será cartão postal desta sublime cidade... abaixo veja os detalhes mais nítidos.

domingo, 13 de novembro de 2011

TCC


Como muitos sabem estou cursando Bacharelado em Administração de Empresas, e por sinal essa semana começo o TCC (trabalho de conclusão de curso) que está a mi tirar o sono da madrugada, pois requer um esforço abrangente de conhecimento, e isso inclui leituras intermináveis de um tema especifico, a saber: Marketing, marketing e marketing... E esse trabalho não pode em hipótese alguma ter a discrepância de ter erros: nem mesmo uma vírgula fora do lugar.

Para que nada ocorra de errado, estou a mergulhar nos livros, Internet e tudo mais que me abra a mente e faça fluir uma inspiração que proporcione a criação de um artigo digno de um quase graduado e que seja respaldado pela faculdade como algo merecedor de uma nota 10. Pois é pra isso que estou estudando, pra tirar sempre notas azuis - pois notas vermelhas Eu rejeito com todo alento da minha alma. Não nasci para perder, e sim, para triunfar nesta vida onde se tem que provar primeiro o amargo pra depois se deleitar no doce.

E o amargo vós garanto que se chama TCC!... Por isso que a maioria dos formandos compra os seus trabalhos, ou então, pedem pra alguém fazer o que dar no mesmo, mas isso eu não aconselho a ninguém, pois além de mostrar despreparo para a função pela qual estudou anos, mostra que será um profissional coadjuvante na vida, ou seja, vai depender sempre de outros para alcançar o sucesso.

TCC é um trabalho suado, mas vale a pena ser feito pela própria pessoa, mesmo passando dias e noites pesquisando, estudando e batalhando, isso resultará em mais conhecimento. Pior é deixar esse fardo nas mãos de outras pessoas que farão tudo de seu jeito, com seu DNA, nada escrito terá inspiração vinda da sua parte. Por isso recomendo que todos façam o seu, da mesma forma que estou fazendo, te garanto que lá não frente você não se arrependerá de ter feito. E mais, verá o DNA de cada frase originado da sua mente. Que Deus nos abençoes nesta empreita nada fácil.

RENATO

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

CONSTERNAÇÃO


Não tem como não passar pela avenida central de Maracaçumé e não ter um enorme sentimento de consternação pela caótica situação que se encontra no momento.

A avenida que devia ser cuidada e zelada pela administração pública e deixada ao leu sem ninguém pra cuidar, o resultado de tudo isso se vê sem precisar usar óculos de grau: casas, casebres e favelas são construídos aonde devia haver praças e jardins.

Moradores que antes moravam na avenida, hoje residem atrás das favelas e tem de suportar o cheiro de mijo e outras coisinhas mais logo cedo da manhã. Sem falar na indiscrição de alguns moradores dessas favelas que agem na maior candura como se tivessem em domicílio íntimo... fazem suas necessidade fisiológicas sem um pingo de vergonha e discrepância na frente...

Enquanto o circo pega fogo, a administração do município fecha os olhos e não ta nem aí pra quem se queimar. O mais engraçado nisso tudo é que eu não estou exagerando nenhuma vírgula... No piscar e fechar de olhos surge um barroco na avenida - não se espante se em qualquer dia desses surgir um palácio requintado com azulejos das Arábias e com Patatá e Patati morando lá dentro, só falta mesmo isso pra completar a palhaçada total que se transformou a nossa cidade.

Não estou exagerando!... Querem constatar o que estou a proferir, saia quaisquer dias desses e conte quantas casas e barracos têm no meio da avenida e veja se isso é certo ou falta de bom censo das autoridades que dizem que administram essa urbe. Sem modéstia a parte e sem um usar um pingo de demagogia: Maracaçumé está mais pra faroeste, ou seja: uma terra sem lei, onde tudo pode, pois não tem ninguém pra dizer o contrário. E se continuar assim vamos passar de faroeste para um Iraque ou Afeganistão do mundo, pois da cartola do palhaço se espera qualquer coisa, menos coelho.



Um, Dois, Sete


UM
1ª dica:
A palavra que indica falta
2ª dica:
O feminino de carneiro / forma o titulo da música...

DOIS
1ª dica:
Lugar para onde se acredita que as pessoas vão depois da morte.
2ª dica:
Silaba paroxítona da palavra Davi
3ª dica:
Ciência da saúde / forma o titulo da música

SETE
Sentido pelo qual se percebe a cor/ primeira nota da escala musical / profeta do antigo testamento... Quase forma o titulo da musica.


GINCANA


Domingo passado aconteceu à primeira mega gincana Gospel de Maracaçumé. O evento aconteceu na congregação Monte Horebe e contou com a participação de toda Mocidade da Assembleia de Deus divididas em equipes, as mesmas compareceram animadíssimas e encheram aquele lugar de uma energia pra lá de positiva.

A gincana foi idealizada com um propósito de integrar os grupos em um evento que viesse priorizar a união, não a competição agressiva como foi vista nos primeiros momentos das brincadeiras.

Essa idéia de vencer a qualquer custo pode até valer, desde que o meu irmão não seja prejudicado, isso parte do pressuposto que: não podemos em hipótese alguma misturar irmandade com baderna. Ou seja: a gincana tem que ser encarada como uma grande brincadeira a ser aproveitada em seus mínimos detalhes, e não como uma forma de criar arruaça no meio do povo.

Agindo dessa maneira iremos provar de uma vez por todas que somos um povo desorganizado, sem DNA próprio e que age idêntico a todo orbe. Isso não devia acontecer em nosso meio, pois devíamos ser exemplo, sal e luz do mundo, não um monte de crentes disputados feito cobras e lagartos míseros pontos, que mais longe que pode levar é meia dúzia de crente ao inferno.

PRONTO FALEI TUDO!


sexta-feira, 4 de novembro de 2011

GINCANA GOSPEL


Será mesmo que torço pra equipe vermelha ou usarei de má-fé com as outras equipes? Esta pergunta anda voando nos quatro cantos de Maracaçumé e, perturbando a cabeça dos líderes das equipes da grande gincana cultural gospel -, que acontecerá domingo próximo em Cajueiro.

Queria dizer para os amados irmãos que não se preocupe com isso, pois se tem uma coisa que preso na vida é a honestidade, e isso vós garanto que terá aos montes.

Se alguns andam falando que eu irei ajudar uma determinada equipe, é mentira descabida e mais, sem fundamentos concretos, pois até hoje nunca existiu uma gincana que eu tenha prevalecido grupo A ou grupo B.

Portanto, antes de ouvir ou falar a cerca da minha índole como gincaneiro, analise primeiro a minha história e veja se há algum motivo para tais acusações. Não se acusa ninguém sem evidencias concretas e que justifique as mesmas.

RENATO
← Postagens mais recentes Postagens mais antigas → Página inicial
Editado e Instalado por