NOTÍCIAS DE MARACAÇUMÉ/JUNCO DO MARANHÃO E REGIÃO. Contato: (98) 98721-8362 E-mail: blogdorenatocosta@gmail.com

sábado, 30 de outubro de 2010

QUE INDECISÃO?

Estou eu aqui na véspera do segundo turno da eleição para presidente a pensar em quem votar, pois acredite meus queridos ainda não decidi.

É tanto ti-ti-ti envolvendo as duas partes (Dilma e Serra) que embaralharam a minha mente a ponto de pensar até em votar em branco, mas como isso não faz parte de meus princípios, ainda mais porque empobrece a democracia, terei ate amanhã então, para decidir em quem votar.

Eu, que votei em Marina Silva no 1º turno, não por achar que ela seria uma boa presidente, votei por falta de opção mesmo, mas agora é pra valer. É o futuro da nação em jogo - uma nação que estar aprendendo a andar com os seus próprios pés, apesar de tardio.

Isso aparentemente devia ser orgulho pra nos brasileiros, mas não é! Sabe por quê? Por que ainda temos muita coisa interna para concertar.

 A começar por nos mesmo, que falamos tanto dos governantes, mas quando vamos pagar nossos impostos somos os primeiros a incorporar o jeitinho brasileiro e assim se safar.

Enquanto os brasileiros não aprenderem que a justiça começa em casa, podemos esquecer de um país mais justo.
A justiça tem que ser exercida em casa, de onde sairão os futuros deputados, governadores e presidentes do Brasil.

Portanto... Torcemos que os brasileiros acertem nas urnas amanhã e escolham aquele ou aquela que será melhor para o Brasil e principalmente para os brasileiros.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

FESTA

Alegrai-vos, é tempo de festa!

Foi isto que aconteceu na noite de ontem na casa da irmã Cristina.

Amigos e familiares reunidos para comemorar em grandes estilo o seu aniversário.

Confira algumas fotos...
  


Estou fazendo minha parte

- Brasileiro é um povo solidário. Mentira. Brasileiro é babaca. 
Eleger para o cargo mais importante do Estado um sujeito que não tem escolaridade e preparo nem para ser gari, só porque tem uma história de vida sofrida; Pagar 40% de sua renda em tributos e ainda dar esmola para pobre na rua ao invés de cobrar do governo uma solução para pobreza; Aceitar que ONG's de direitos humanos fiquem dando pitaco na forma como tratamos nossa criminalidade. .. Não protestar cada vez que o governo compra colchões para presidiários que queimaram os deles de propósito, não é coisa de gente solidária.
É coisa de gente otária. - Brasileiro é um povo alegre. Mentira. Brasileiro é bobalhão.

Fazer piadinha com as imundices que acompanhamos todo dia é o mesmo que tomar bofetada na cara e dar risada.
 Depois de um massacre que durou quatro dias em São Paulo, ouvir o José Simão fazer piadinha a respeito e achar graça, é o mesmo que contar piada no enterro do pai.
Brasileiro tem um sério problema.
Quando surge um escândalo, ao invés de protestar e tomar providências como cidadão, ri feito bobo.

-
 Brasileiro é um povo trabalhador. Mentira.

Brasileiro é vagabundo por excelência.

O brasileiro tenta se enganar, fingindo que os políticos que ocupam cargos públicos no país, surgiram de Marte e pousaram em seus cargos, quando na verdade, são oriundos do povo. O brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado ao ver um deputado receber 20 mil por mês, para trabalhar 3 dias e coçar o saco o resto da semana, também sente inveja e sabe lá no fundo que se estivesse no lugar dele faria o mesmo. Um povo que se conforma em receber uma esmola do governo de 90 reais mensais para não fazer nada e não aproveita isso para alavancar sua vida (realidade da brutal maioria dos beneficiários do bolsa família) não pode ser adjetivado de outra coisa que não de vagabundo. - Brasileiro é um povo honesto. Mentira.
Já foi; hoje é uma qualidade em baixa.
Se você oferecer 50 Euros a um policial europeu para ele não te autuar, provavelmente irá preso.
Não por medo de ser pego, mas porque ele sabe ser errado aceitar propinas. O brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado com o mensalão, pensa intimamente o que faria se arrumasse uma boquinha dessas, quando na realidade isso sequer deveria passar por sua cabeça.

- 90% de quem vive na favela é gente honesta e trabalhadora. Mentira..
Já foi.
Historicamente, as favelas se iniciaram nos morros cariocas quando os negros e mulatos retornando da
Guerra do Paraguai ali se instalaram.
Naquela época quem morava lá era gente honesta, que não tinha outra alternativa e não concordava com o crime.
Hoje a realidade é diferente.
Muito pai de família sonha que o filho seja aceito como 'aviãozinho' do tráfico para ganhar uma grana legal.
Se a maioria da favela fosse honesta, já teriam existido condições de se tocar os bandidos de lá para fora, porque podem matar 2 ou 3 mas não milhares de pessoas.
Além disso, cooperariam com a polícia na identificação de criminosos, inibindo-os de montar suas bases de operação nas favelas.
- O Brasil é um pais democrático.. Mentira.
Num país democrático a vontade da maioria é Lei.
A maioria do povo acha que bandido bom é bandido morto, mas sucumbe a uma minoria barulhenta que se apressa em dizer que um bandido que foi morto numa troca de tiros, foi executado friamente. Num país onde todos têm direitos mas ninguém tem obrigações, não existe democracia e sim, anarquia.
Num país em que a maioria sucumbe bovinamente ante uma minoria barulhenta, não existe democracia, mas um simulacro hipócrita.
Se tirarmos o pano do politicamente correto, veremos que vivemos numa sociedade feudal: um rei que detém o poder central (presidente e suas MPs), seguido de duques, condes, arquiduques e senhores feudais (ministros, senadores, deputados, prefeitos, vereadores).
Todos sustentados pelo povo que paga tributos que têm como único fim, o pagamento dos privilégios do poder. E ainda somos obrigados a votar. 
 
Democracia isso? Pense !

O famoso jeitinho brasileiro.

Na minha opinião, um dos maiores responsáveis pelo caos que se tornou a política brasileira.
Brasileiro se acha malandro, muito esperto.
Faz um 'gato' puxando a TV a cabo do vizinho e acha que está botando pra quebrar. No outro dia o caixa da padaria erra no troco e devolve 6 reais a mais, caramba, silenciosamente ele sai de lá com a felicidade de ter ganhado na loto.... malandrões, esquecem que pagam a maior taxa de juros do planeta e o retorno é zero. Zero saúde, zero emprego, zero educação, mas e daí?
Afinal somos penta campeões do mundo né?? ?
Grande coisa...

O Brasil é o país do futuro. Caramba , meu avô dizia isso em 1950. Muitas vezes cheguei a imaginar em como seria a indignação e revolta dos meus avôs se ainda estivessem vivos.

Dessa vergonha eles se safaram...
Brasil, o país do futuro !?
Hoje o futuro chegou e tivemos uma das piores taxas de crescimento do mundo.

Deus é brasileiro.

Puxa, essa eu não vou nem comentar...

O que me deixa mais triste e inconformado é ver todos os dias nos jornais a manchete da vitória do governo mais sujo já visto em toda a história brasileira.
 Para finalizar tiro minha conclusão: 

O brasileiro merece! Como diz o ditado popular, é igual mulher de malandro, gosta de apanhar. Se você não é como o exemplo de brasileiro citado nesse e-mail, meus sentimentos amigo, continue fazendo sua parte, e que um dia pessoas de bem assumam o controle do país novamente.
Aí sim, teremos todas as chances de ser a maior potência do planeta.
Afinal aqui não tem terremoto, tsunami nem furacão.
Temos petróleo, álcool, bio-diesel, e sem dúvida nenhuma o mais importante: Água doce!

Só falta boa vontade, será que é tão difícil assim?
FAÇA A SUA PARTE (SE QUISER)

sábado, 23 de outubro de 2010

Fico ou não? Eis a questão!...

Nasci e me criaram neste estado chamado Maranhão. Mas agora depois de grande e com a cabeça em constante evolução, vejo que este lugar no qual nasci não é um dos melhores lugares pra se viver.

Fico imaginado vez por outra, com tanto lugar mais interessante pra nascer, Deus me jogou justamente neste. Que pra onde se olha não se fita nada de útil, apesar de ser um estado rico em recursos naturais, mas a riqueza anda longe da maioria dos que realmente necessitam.

Por isto e por outros motivos mais, me vejo na obrigação de pegar o beco, mudar meu destino que não vejo se realizar aqui, e navegar pelo mar da esperança até atraca no porto seguro.

O que penso e almejo? Não condiz com a realidade vivenciada! O que quero realmente pra mim? Estar tão longe que precisa cruzar vários estados e cidades até encontrar o meu destino.

O que seria esse destino? Segredo! Apenas o tempo irá dizer, ou mesmo os fatos em si.

Quem viver até lá verá as minhas peripécias se transformarem em algo proveitoso para cultura deste país.

Enquanto esse dia não chega, continuo por aqui em Maracaçumé, naquela vidinha de sempre - igreja, casa; casa igreja, e de vez em quando, aparecem uns programas diferentes para se fazer. Nada de tão grandioso, pois no dia que isso acontecer. Faço que nem Dom Pedro I que ficou no Brasil. Eis que ficarei também neste lugar até que a morte nos separe, amém.
   

 







  




terça-feira, 19 de outubro de 2010

ESPIRITUALIDADE

Outro dia conversando com alguns amigos sobre assuntos diversos, e nesse vaivém frenético das falas surgiu na pauta o assunto religião - sempre polémico em todos os termos que se possa imaginar.

Mas algo que me chamou atenção, a declaração de certa moça. Para melhor entender, antes de sua afirmação, comentávamos sobre um lugar pra se viver ou morar. Ela disse: “Deus me escolheu para as nações e a minha casa será o mundo, viajando e pregando a palavra de Deus”.

Tudo bem, pregar a palavra de Deus é tudo de bom, mas o que eu percebi na garota e que ela era muito positivista em suas afirmações. Não concordar com seus preceitos ditos verdade, era caso de se converter novamente, no caso, eu.

Não é a primeira vez que vejo gente espiritualizando tudo e todos. A igreja estar cheio de gente que pensa dessa maneira ou pior. Os pequenos erros nos outros são o cúmulo do absurdo. E esse tipo de gente não consegue enxergar seus próprios erros, que às vezes são os piores.

A cegueira é tão grande em termos humanos que muitos deixam até de exercer a sua vida em sociedade, por pensar que estar pecando. Deixam de fazer uma faculdade secular pra fazer um curso teológico. Não sou contra a teologia, mas nem tudo que se pensar hoje, será o pensamento do futuro. O ser humano é mutável.

Por isto digo: todo cristão tem que olhar os dois lados da moeda. Cuidar da vida secular e espiritual. Pois caso, uma das duas não dê certo no decorrer da vida. Tem-se pra onde correr.

Outra coisa que não passa na mente dos que tudo espiritualiza. É o caso da formação da mente. Tudo que é novo, a mente absorve com prazer, mas com o passar do tempo, isso vai mudando. E se o individuo não estiver preparado pode se frustrar.

Isso se vê bastante com gente que tentar abraçar o mundo com as mãos ou mesmo correr o mais rápido possível pra alcançar algo que às vezes só o tempo e a experiência podem lhe oferecer.

Querer ser melhor do que os outros em algumas áreas da vida, só mesmo envelhecendo pra adquirir experiência, pois caso contrário só sendo super dotado.

A grande maioria dos que segue com esta ideologia dentro da igreja, digo por experiência de vivência - não permanecem por muito tempo. Correm muito apressados, caem e ferem a cara. Diferente de quem anda como tartaruga que jamais cai, mas chega ao objetivo.

Ser cristão é algo maravilhoso. Mas muitos se martirizam e se condenam a viver uma vida supérflua. Baseada em ideologias de homens e inversões de crentes que não tem o que fazer.
O melhor mesmo é seguir a Bíblia e suas orientações e deixar de modismo sem fundamentos.


Por: RENATO


segunda-feira, 18 de outubro de 2010

GUERRA DE PARTIDOS

O Brasil assiste de camarote a guerra de dois partidos que para ganhar a eleição usam táticas pra lá de fantasiosas.

Os marqueteiros de ambos os lados mostrando o grau de criatividade viajam no passado buscando histórias podres dos adversários e usam tudo em rede nacional em forma de piada.

É os relatos vai desde os colapsos do regime militar que envolve a guerrilheira Dilma, até o senhor das privatizações José Serra.

Tudo bem produzindo e convincente, entrelaçado ao melhor da tecnologia, com textos capazes de enganar até os cultos de plantão.

E essa disputa, considerada a mais acirrada dos últimos tempos ainda não acabou, pelo rumo da carruagem vamos ver e descobrir cada escândalo escondido pela historia, que só volta à tona em momentos como este.

A grande vantagem de uma eleição é essa, os podres dos envolvidos que se mostram com mais evidencias e com força.

É como nos brasileiros somos obrigados pela justiça a assistir essas palhaçadas em rede nacional, que em alguns casos fogem do normal e parece mais programa humorístico, podemos analisar as propostas digo agressões -, “gargalhando” - e depois resolver em quem votar. No caso do Brasil, o melhor mesmo seria votar em branco, como protesto pelos péssimos candidatos que temos. (pronto... falei).


Por: Renato





domingo, 17 de outubro de 2010

SOBRE O CONCURSO

Concurso público até onde eu sei deve ser feito individualmente, sem conversas paralelas e muito menos trocas de respostas de candidatos. Mas isso foi totalmente desrespeitado na sala na qual fiz a prova (Escola Irmã Dulce). Pois existiram algumas pessoas que usaram dessa má fé. Não estou aqui para condená-lo, pois se eles fizeram tal coisa, foi por que alguém permitiu. Nesse caso, os fiscais de sala que pareciam duas estátuas olhando tudo acontecer e nada faziam para impedir. Mostraram estar despreparados para exercer aquela função, culpa da empresa que organizou o concurso, que escolheu ao leu os fiscais de sala sem dar os devidos treinamentos. Este erro foi apenas um de muitos, sem falar que eu reclamei para fiscais fora da sala, mas as minhas reclamações não surtiram efeito, pois as trocas de repostas continuaram até o fim. Agora, me digam se isso condiz com o edital que diz:

5.13. Terá sua prova anulada e será automaticamente eliminado do Concurso Público, o candidato que, durante a realização das provas:
a)     For surpreendido em comunicação verbal ou por escrito ou de qualquer outra forma.

O edital é bem claro, só que os fiscais de sala esqueceram de lê-lo e aplica-lo nos momentos devidos.
Frustração, isso foi o que sentir na hora, por saber que até parágrafos de editais no Brasil, não são cumpridos.
Essa falta de censo que toma conta de alguns da sociedade e que faz ela se torna injusta. É por isto que protesto através deste texto, pra ver se um dia as coisas mudam neste país.
  

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

PALAVRAS

Palavras - são formadas por letras, consoantes e vogais, que depois de unidas tomam formas e entonação. Elas têm o poder de abençoar e amaldiçoar, de curarem feridas e abri-las, depende da forma que serão ditas e como o emissor transmitirá para receptor. As palavras quando falada em prol do mal, tem uma força tão grande que mesmo a mente mais equilibrada sai de conexão com mundo, transcende os princípios humanos e, é abalada! Ninguém gosta de ouvir palavras grotescas de baixo calão que venha denegri a índole. Ainda mais com tom e expressões que transmitem verdade do emissor. Cenas desse tipo cominam a mutação no momento de criticas, que poder fazer o receptor baixar o nível e sair às tapas e pontapés - isso depende muito de que tipo de agressão verbal o emissor transmite, que pode ser aceita numa boa (crítica construtiva) ou como uma ofensa que sem duvidas deixam marcas para a vida (crítica destrutiva).
Durante toda vida se houve criticas de pessoas que não usam os neurônios antes de falar certos coisas, que podem ferir ou matar alguém. Esse tipo de pessoa que se acham o tal sem defeitos perante a sociedade, dotadas de alto-estima elevada, não se coloca no lugar do outro, e por isto, usam a língua continuamente soltando os venenos mortais - são frascos de vidro que não lembram que podem quebrar... Humanos cheios de falhas como qualquer outro, e se esquece que o mundo gira 24 horas por dia, - pode ser que em umas dessas giradas, o destino resolva arrancar suas línguas e usar os venenos para fabricar antídoto para as vitimas afetadas anteriormente por elas!

Por: Renato


DIA DO PROFESSOR

Hoje quero parabenizar a todos os professores deste país que lutam bravamente nas salas de aula para formar pessoas para vida. Mesmo sem os devidos valores dados a categoria, eles se esforçam e dão o seu melhor. E nesse quadro eu posso me incluir, pois sou formado em magistério, não estou atualmente em sala de aula, mas por dois anos tive essa experiência, e por isso mesmo sei as dificuldades enfrentadas diariamente por eles. Por isto e por muito mais que digo: FELIZ DIA DOS PROFESSORES! 

Manhã de Primavera com cara de Verão!

Ontem fui dormir tarde por conta de uma leve conversa com o vizinho do lado esquerdo da minha casa o “Aluízio” - falamos de vários assuntos noite adentro até bater o sono. Quando acordo lá por volta das 07h30min, assisto as primeiras notícias do dia e desço para loja, quando, já tomando café ouço vozes a chamar pelo meu nome: era a Josélia minha assistente dizendo que havia uma moça da ESTECOM (escritório de contabilidade), querendo conversar comigo. Logo ordenei que entrasse até a cozinha. E logo que olhei de relance, vi surgindo uma estrela que abrilhantou todo espaço no qual estava. A jovem a qual me refiro: tem traços que demonstra ter uns 24 anos, cabelos curtos e pretos, a maçã do rosto serena e um olhar meigo. Ao entrar na cozinha de imediato seu olhar fita sobre a mesa um livro “Anjos e Demônios” que lhe era familiar. A conversa que seria aparentemente curta tomou rumos diferentes. Ela, diferente da maioria das mulheres que conheço, era crítica e tinha opinião formada sobre assuntos desconhecido da maioria dos mortais lúcidos deste lugar. A clareza nas palavras mostrava a capacidade de dialogo que tinha... com um cunho de mistério no olhar a ser desbravado. A literatura por causa do livro a mesa foi o centro dos diálogos entre a gente, seguidos de religião e as polémicas que envolvem todo o sistema, e por fim de educação e os projetos futuros como: faculdade e que tipo de carreira seguir.
Alguém deve estar se pergunta como é o nome dela? E eu vos lhes digo neste instante... Benise! Sim, esse era o nome da moça que fez meus olhos brilhar como nunca nesta manhã de primavera com cara de verão.
Achar alguém com tais qualidades neste fim de mundo que é Maracaçumé: é como procurar uma agulha no palheiro. Mais isso prova que se pode achar uma agulha em um palheiro! Demora um pouco, mas... “A paciência é um dom dos sábios!”.
Saber agora se essa magia inicial irá continuar? apenas o tempo poderá responder. A filosofia que diz que: “QUERE É PODER” - Já foi desfeita faz tempo, então, querer é buscar seus sonhos e desejos mais audaciosos! Não sei se isso será o meu novo desafio. Mais se for, direi aqui mesmo neste blog que faz parte da minha vida e, é aonde relato as peripécias que apronto.




quinta-feira, 14 de outubro de 2010

TI TI TI

Ouço burburinho no ar. A corrida pela prefeitura municipal já vai começar! Vários nomes já estão na boca do povo, mas será que esses ti-ti-ti tem fundamentos?
O tempo irá responder! Mas enquanto isso não acontece vamos aos nomes dos futuros pré-candidatos à sucessão municipal: Prefeito Franco de Oliveira concorrendo à reeleição, Zé Luís da Entre Rios, Pastor Francisco Martins, Edson Júnior, Chico Velho e uma última hipótese que ronda a mente dos eleitores seria o lançamento da esposa do prefeito: A Doutora Andréa Palmeira. Isso sem falar em Carlito e Gal, que correm por fora.
Façam as suas apostas, pois desses alistados acima sairá o futuro prefeito de Maracaçumé. Cabe agora entre eles, digo principalmente a oposição, fazer uma aliança inteligente, pois do contrario o atual prefeito que sem demagogia estar fazendo uma excelente administração, vencerá com facilidade as eleições de 2012.

FANTASTICO

Fantástico! Assim foi o resgate dos mineiros no Chile, Eles que há mais de dois meses estavam vivendo na escuridão no subsolo da terra, ressurgem a vida. Tal como a lenda da fênix que renasce das cinzas. O Chile mostrou o poder de união e amor por seus colaboradores que em tempo recordes fizeram o resgate, quebrando previsões que davam conta que o mesmo seria concluído apenas próximo do natal. Um trabalho de união que resultou no prémio maior - A salvação de 33 vidas, que agora são o orgulho da nação!


quarta-feira, 13 de outubro de 2010

POLITICAGEM MALDOSA



As campanhas política desde sempre cheira a baixaria. E não é diferente a atual corrida presidencial que envolve Dilma e José Serra, dois personagens que para levar o prémio maior (O palácio da Alvorada), fazem de tudo e mais um pouco para conseguir os seus objetivos.
Nos últimos dias temos visto nas televisões o desespero de ambas as partes para tentar levar os votos do partido verde, em especial de Marina Silva, mas o foco tem tomado rumos totalmente diferentes. Pois o que se ver são agressões fortes e sem fundamentos dos marqueteiros dos candidatos. Envolvendo princípios alheios que não merecem estar inseridos em rede nacional ou até mesmo nas redes sociais na Internet.
A politicagem maldosa que mancha a democracia - devem ser observados por todos nós eleitores na hora da escolha do voto, pois isso demonstra a índole do candidato e seus aliados. Eleger um presidente com tais paradigmas pode ser um erro que mais tarde cause arrependimento.

terça-feira, 12 de outubro de 2010

TUDO SOBRE MIM

Resolvi falar um pouco de mim. Como? Não sei! Definir-me para os meus leitores como verdadeiramente sou, vai ser difícil, mas a dificuldade gera as soluções. Pois é, tenho que começar. Não irei falar mal de mim mesmo, tenho censo de humor moderado, por isso creio que tudo aqui escrito, será a realidade dos fatos!
Nasci, em Santa Luzia do Paruá, mais bem pequeno meus pais me levaram para o fim do mundo, isso mesmo! Lá onde Judas perdeu as botas, um lugarzinho município de “Candido Mendes” chamado “Bacuri Torto”, o lugar condiz com o nome, pois alem de torto, era atrasado... Uma população isolada que vivia nas piores condições possíveis e com pensamentos pervertidos. O destino se encarregou de me arrancar de lá, de uma maneira não muito agradável... Pois para isso meus pais tiveram que se separar e como na maioria dos casos os filhos seguem as mães, assim aconteceu! A próxima parada da minha nefasta vida, foi à cidade de Cândido Mendes, onde comecei a estudar o maternal, mas isso não demorou muito tempo. Minha mãe casou-se novamente e logo se transferiu para um lugarzinho chamado Maracaçumé, que anos mais tarde se tornaria cidade. E é onde vivo ate os dias atuais, mas não pense que por aqui irei ficar por muito temo, meus projetos são outros, projetos esses que no futuro bem próximo sabereis.
Com essas trocas de cidade constante. Atrasei-me nos estudos, quando comecei a estudar de verdade, já estava com idade avançada, mas como no Maranhão era regra geral, isso não me afetou muito, pois a maioria dos meus amigos de sala tinha a mesma idade ou até mais.
Tive muitas dificuldades nas serie iniciais, estudei a primeira serie e não sabia ler. Passei para a segunda sem saber, mas com a professora “Francisca Batista”, aprendi as primeiras palavras que fizeram com que eu desenvolvesse a arte da leitura. Arte essa que hoje eu tanto prezo e degusto.
A minha infância foi conturbado, presenciava brigas da minha mãe com meu pai, via muitas vezes ele bater nela e bêbedo quando chegava, expulsávamos de casa. Isso era corriqueiro... Após a separação deles, poucas vezes vi o homem que me fez... Há 16 anos que não falo com ele, não por falta de oportunidade, mas por opinião própria. Por achar desnecessário, pois uma simples conversa não apaga as marcas do passado - por isso prefiro esquecer pequenos detalhes da vida, e olhar sempre para frente como se isso não houvesse ocorrido comigo.
O destino se encarregou de colocar alguém no caminho de minha família para cuidar, “o meu padrasto”, que chamo carinhosamente de tio, por respeito e consideração. Ele assumiu as responsabilidades e hoje posso dizer que tive uma família. Mas antes disso, minha mãe sofreu para cuidar de seus dois filhos. Trabalhando a noite, para poder nos alimenta ao dia... Foram dias difíceis para superar, mas foram vencidos por sua força de vontade.
Ainda, de “Candido Mendes”, tenho recordações que periferia nem lembrar, mas são situações que não saem da mente e não posso revelar, mas quem sabe um dia.
Após as desavenças e contusões que foi a união instável do meu padrasto com minha mãe, que prefiro nem comentar. Viemos embora para Maracaçumé. Gente, esse lugar era tão pequeno, as casas era distantes uma da outra. Isso em meados de 1992... A casa que fomos morar  ficava na rua dos cariocas, naquele tempo era a ultima rua do lado direito, mas em contra partida era única enxuta, pois as demais no período brabo do inverno: a lama dava no joelho, era uma guerra travada andar nas ruas sem atolar. A nossa casa era de barro sem nenhum tipo de conforto, quem olha hoje nem imagina as dificuldades enfrentadas por nos ao chegamos neste lugar. Só Deus sabe os momentos sóbrios passados, mas que foram levados pelas correntezas da vida e creio que jamais voltarão.
Existe uma frase que também é titulo de um livro, que diz: “Só merece o doce quem provou o amargo”. Eu, mas do que ninguém acredita nesta frase e levo-a para vida. Acredito que todas as dificuldades são passageiras e servem para nos capacitar ainda mais para enfrentar as dificuldades e acima de tudo vence-las. O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã! Assim foi a minha vida e continuará sendo, Veio o amargo e a noite escura, sofrimento e dor, mas depois surgiu o doce e a alegria, fazendo a vida ser mais feliz.
Por aqui encerro esta primeira parte, depois falarei mais da minha vida pessoa vivida neste lugarzinho perdido no mapa!




















DUAS HISTÓRIAS



No primeiro sábado de Outubro, na reunião da oficialidade da igreja o pastor “Francisco Martins” relatou duas histórias interessantíssimas e gostaria de registrá-las aqui neste blog para posteridade.
A primeira fala de um homem movido de imensa compaixão com o próximo, compaixão essa que fez brotar um desejo enorme dentro dele de querer concertar o mundo. Após ele fazer as suas avaliações, planejado como iria executar tal projeto. Resolveu encarar o desafio. Percorreu os cinco continentes, visitou países pobres e ricos, fez discursos e mais discursos em prol da melhoria do mundo e em certo momento ao ver que não conseguiria alcançar o objetivo fala o seguinte: “não consegui mudar o mundo, mas irei concertar o meu país”. E assim ele fez! Percorreu todos os estados, visitou os governadores, presidente, discursou em grandes redes de televisão e não conseguiu mudar o seu país. Aí ele falou: “não consegui concertar o mundo e nem o meu país, então irei concertar a minha cidade”. E nesse foco percorreu os bairros, vielas, favelas e tudo mais que pudesse melhorar o bem estar das pessoas. Conversou com as autoridades locais, igrejas e ONGs, e não consegui concertar a sua cidade. Aí ele triste gritou: “eu não consegui concertar o mundo, nem meus país, nem minha cidade! Vou concertar então o meu bairro”. E assim ele fez mais uma vez, visitou as casa dos vizinhos, montou conselhos de bairros, arquitetou festival da boa vizinhança, mas o resultado final foi: nada. Ai ele já triste disse: “já que não consegui consertar o mundo, o meu país, a minha cidade e nem o meu bairro, irei concertar então a minha família”. E assim ele fez, lutou com os filhos, esposa, parentes próximos para fazer as coisas direitas e nada de conseguir: já na frustração final lamentando, fala: “Já que não conseguir concertar o mundo, meus país, minha cidade, meu bairro, minha família, então, o errado sou eu, quer saber de uma coisa? Quem merece ser consertado sou Eu! Finalizou ele”.
A outra, é a historia de três irmãos “crente” entre aspas que costumavam errar na igreja, mas tinham vergonha de confessar seus pecados para o pastor. Certo dia os três se reuniram e proporão confessar seus pecados uns aos outros como recomenda a Bíblia. Os três toparam o trato. O primeiro relata que não aquenta olhar para uma mulher bonita, que vem logo o desejo do sexo, e quando esses desejos surgem não aguenta a pressão e cede aos prazeres da carne. Logo após, o segundo arrependido, fala que costuma fazer pequenos furtos nas casas dos irmãos, até mesmo Bíblias na igreja e disse que era um vicio, quase que necessário para viver.  E o ultimo após analisar a conversa dos dois diz: “irmão, o meu pecado é um pouco complicado, eu nem queria contar, mas já que vocês contaram o de vocês. Irei confessar o meu. É o seguinte: o meu problema é que eu não consigo ouvir nada de errado da vida dos irmãos na igreja que corro logo para contar para o pastor e quero-vos lhes avisar que minha língua já estar caçando para contar as suas tramóia para o pastor”.

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Gente! Mas que coisa em? Duas historias interessantes que servem de lição para cada um de nos.
Na primeira, fica a lição que precisamos mudar primeira a nossa vida para depois tentar mudar a do vizinho, e a segunda é que temos que vigiar quando for confessar os nossos pecados, por que caso contrário pode se achar um fofoqueiro de plantão e, em fração de segundos espalhar segredos que são guardados a sete chaves. É por isso que a Bíblia diz: “orai e vigiai para não cair em tentação”.


  

PATO QUAKO



No último Domingo, dia 10 de Outubro do corrente ano, em comemoração ao dia das crianças, houve um grande alvoroço em frente ao templo da Assembleia de Deus de Maracaçumé. Centenas de crianças reunidas para prestigiar o “Pato Quako”, isso mesmo o “Pato Quako!” - um radialista fantasiado de pato com uma voz de pato misturado com humor sadio que encanta as crianças por onde passa. E não foi diferente por aqui: nesse dia foi reavivada a magia no olhar de cada pequenino, misturado com felicidade de poder olhar e participar das brincadeiras que eram feitas no palco pelo pato.
Há muito tempo não se viu um evento destinado especialmente para as crianças. Mas a demora foi recompensada com essa apresentação que posso garantir que jamais sairá da mente de nenhuma criança presente, pois este dia será lembrando para sempre - como algo de bom que aconteceu em sua infância!

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Onde estão os guardas municipais?

Outrora houve tempo que se viam nas ruas desta cidade alguns guardas municipais fazendo ronda, mas agora não se ver mais essas cenas. A cidade estar largada aos marginais viciados em maconha que para sustentar o vício são capazes de colocar a vida de pessoas inocentes em risco: um exemplo rápido: foi o seu Raimundo do guaraná, que foi assaltado cedo da noite após o expediente do trabalho na semana passada.  
Uma cidade do porte de Maracaçumé não pode ser abandonada pelas autoridades. Cadê o prefeito, os vereadores, o ministério publico e principalmente cadê os guardas municipais que faziam à segurança desta cidade? Essa pergunta não é apenas minha ou do seu Raimundo que foi assaltado é da população que paga seus impostos para ter educação, saúde e segurança. Eu faço essa pergunta apenas com intuito de reflexão, mas que na verdade eu sei onde os guardas municipais estão: ocupado vagas em setores que não condizem com o concurso que os mesmos prestarão. Isso mesmo, senhores e senhoras de Maracaçumé. Aqueles que estão recebendo todo mês para vos proteger fugiram da raia e, deixaram a cidade ao leu para que os bandidos tomem de conta, e num futuro não muito longe o nome desta cidade esteja nas páginas policiais do Maranhão, enquanto isso, aqueles que quiserem continuar vivo tem que contratar segurança particular para poder contar a historia no outro dia.
Isso é uma vergonha sem cabimento - e pode apostar que as coisas só mudaram, quando morrer alguém nas vielas desta cidade, ai será tarde demais para tomar as devidas providências cabíveis.

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

HISTÓRIAS LAMENTÁVEIS

Surpresa! Foi isso que me ocorreu hoje pela manhã, ainda no sono matinal, quando, lá pelo meio da manhã apareceu certo individuo a chama pelo meu nome no andar de cima da minha casa e, interromper meu precioso sono, isso Somente para pedir uma apostila emprestada para xerocar. Quando contemplei aquela cena fingi que estava tranquilo, mas só Deus sabe como estava por dentro, mas mesmo assim dei ordens para alguém entregar a ele a tal apostila que de imediato se retirou da minha frente. Sabendo eu que não iria mais conseguir dormir, decidir descer, quando dobrei meus olhos em direção a loja, vejo o mesmo individuo agora a mexer no meu computador - meus olhos tranquilos no exato momento sofreram uma mutação e, marejam ao ver a cena importuna que se materializava na minha frente, e logo pensei intimamente: “mas que cara de pau, como poder alguém ser tão folgado a ponto de ligar o computador alheio sem a devida autorização do dono”. E, sem mais ou menos sentei ao lado e fiquei a observar a ousadia do individuo que nem merece ser mencionado o nome, pois muita gente conhece essa peça neste lugar. Agora imagina o que o individuo queria olhar? A pagina dele do Orkut! Com tantas “Lan Hause” espalhadas pela cidade, com os donos precisando de dinheiro, ele prefere demonstrar sua falta de educação a gastar alguns trocadinhos nessas casas especializadas nesse seguimento de redes sociais.
Eu, que nos meus 26 anos bem vividos, nunca fiz tal palhaçada na casa de ninguém, mesmo em casos de autorização do dono, sinto receio de mexer, pois isso não faz parte dos meus princípios como ser humano. Tudo que tenho hoje seja computador, câmera digital, celular etc. houve tempo que eu sentia grande desejo de adquirir, mas a minha mãe não comprava, algumas vezes pela cultura atrasada pela qual foi formado e pensava se produtos supérfluos, outras por não poder mesmo, mas nem por isso sai a mexer nas coisas alheia, sempre respeitei o tempo que se encarregou de encaixar as coisas no devido lugar com o passar dos anos.
Diferente deste personagem da historia acima, que demonstrou péssima educação em grau elevadíssimo em se tratando de relacionamento social em grupo.
Após esse pequeno incidente, fui ao banheiro e me deparei com uma gata vira-lata que criamos com um fecho de gatinhos recém nascidos. Eram tão bonitinhos, digo era por que algo lamentável aconteceu, minha mãe jogou todos no mato nos primeiros momentos de vida, mas que maldade cruel! Pois é gente, ela fez isso! Só que eu não estava sabendo deste fato até o final da tarde, quando, vejo a gata com olhar triste e melancólico a olhar em minha direção, misturado com um miado penoso. Era o desespero da gata a procurar os seus filhotes. Ela percorria todo o local da casa, encima, em baixo, dos lados, na garagem e nada. Só restava suplicar para quem pudesse lhe ajudar, no caso, eu. A cena gente era muito triste, se aquele animal pudesse falar tenho certeza que xingaria minha mãe horrores. Olhar para aquela gata e ver dentro do seu olhar as dores era cruel para mim, mas fazer o que? Tive que aceitar a situação, pois minha casa não pode se transformar em uma fazenda de gatos. A tristeza maior que sinto, é que os gatinhos coitados não pediram para vir a este mundo capitalista e individualista, onde todos só pensam em si e nada mais. Os pobrezinhos vão sofrer fome, frio e sede e ao raio do dia estarão todos mortos. Uma historia que poderia ser mudada se tivessem inventado preservativo para gatos - uma ótima dica para os cientistas de plantão.
   


AMIZADE OU FALSIDADE



Amizade é um dom! Dom esse que precisa ser valorizado com toda força da alma e, para isso acontecer precisa-se ter bom censo em certos momentos da convivência.
No mundo onde estamos onde a informação viaja na velocidade da luz e as noticias quando surgem em poucos segundos, são divulgadas abruptamente em toda parte sem as devidas fontes, podendo causar serias conseqüências para pessoas que podem ser inocentes e mal julgadas e causar um constrangimento no futuro para o disseminador da idéia.
Isso se ver bastante no seio dos amigos, entre aspas, por que amigo que é amigo não causa constrangimento na relação, embora haja sempre divergências normal da convivência, mas que em alguns casos poder gerar um mal estar que pode abalar a amizade para sempre.
As conversas que envolvem segredos que na maioria das vezes é pedido sigilo, e dias depois as informações estão na boca do povo. Demonstrando um desleixo com o outro - prova que a amizade e confiança depositada, não tinham valor altruísta... nem mesmo sinceridade plena.
Grandes amizades são desfeitas às vezes por bobagem. Por palavras mal pensadas, ditas em momentos impróprio, sem avaliar as conseqüências que isso possa trazer para a pessoa ofendida. Um grande erro que a maioria dos humanos comete e não avaliar antes o que irão dizer mesmo tendo a capacidade de segundo antes pensar.
O egoísmo desenfreado que envolve o ser humano destrói a capacidade de se colocar no lugar do outro. Quando alguém tem essa humilde sensibilidade, dificilmente ele teria coragem de magoar o seu próximo - seja amigo, parente ou mesmo pessoa desconhecida. Ninguém em sã consciência, eu digo em sã consciência teria coragem de ferir sua própria carne!
É isso que precisamos nos dias atuais amigos verdadeiros que vivam uma lealdade compromissada, e não uma encenação teatral, regados à falsidade. Como no programa as garras da patrulha: que tem um exemplo típico do que acontece na vida real... A falsidade que se revela no personagem “Coxinha” - contra o seu amigo “Doquinha”. O que tem de Coxinha nesse mundo não consta no giby!

Por: Renato
   

terça-feira, 5 de outubro de 2010

PIADA - UM PAPAGAIO MUITO CRENTE!!!

Durante anos, um papagaio foi educado para fazer sermões. Num domingo a igreja estava lotada para ver o novo pregador. Constrangido pelo grande público, o louro ficou calado no púlpito, arrastando o bico de um lado para o outro. O treinador de saco cheio de tanto esperar, chega perto do bicho e fala bem baixinho, só para ele ouvir: 
-Seu papagaio filho da p#ta, começa a pregar logo se não eu arranco todas tuas penas e te coloco junto com as galinhas. 

O papagaio olha para a igreja, levanta uma asinha e diz: 

-Irmãos!!! Vamos orar que o demônio já começou a se manifestar.

PIADA : O Gago Crente

Um dia o crente gago saiu de casa disposto a arrumar um emprego, foi até ao pastor e disse:
-Paaastooor eeeu qquuerriiiaaaa vevevenderrrrr Bibibiblííía.
- Mas como?, você não conseguiria pois é gago.(pastor)
-Nãããoooooo, eeeuuuu vevevendooooooo sisisiiimm.
-Olha é o seguinte então eu vou te dar essas dez
Bíblias e você tem de vendê-las até as cinco, senão você terá que arcar com a compra de todas elas, ok? (pastor)
-Ooookkk, mamamaiiisss dededezzz ééé muuuuuuiiitoo
popopoucco, popopodde mememe dáááá mamamaisss.
- Esta certo,mas lembre-se, se você não vendê-las
terá que comprar todas.(pastor)
-Pópópó dededeiiiixxxaaaa.
E lá foi o gaguinho.
...
Cinco horas em ponto o gaguinho aparece na porta da sala do pastor. O pastor espantado ao vê-lo sem nenhuma Bíblia pergunta:
-Onde estão as Bíblias, foi assaltado?
O gago:
-Nãããoooo, vevevendiiiiiii totodassssss.
Indignado o pastor pergunta:
-Como?
-Fofofoiiiii fafafacííííll, eeeuuuuu bababatiiiiiaaa nana popoporrrrrrrrrta eee fafalaaaaaaavva: "querquerquer coooooooompraaaa ououou querquerquer queque eeeeuuuuuuu leleleiiiiaaa".

GENESIS DO COMPUTADOR

1. No princípio, Deus criou o Bit e o Byte. E deles criou a palavra. E nada mais existia. E Deus separou o Um do Zero; e viu que era bom. E Deus disse:
"Que os dados existam, e vão para os seus lugares devidos". E criou os disquetes, os discos rígidos e os discos compactos.
2. E Deus disse: "Que apareçam os computadores, e sejam lugar para os disquetes, e para os discos rígidos e para os discos compactos".
Então Deus chamou os computadores de hardware". E não havia ainda software. Mas Deus criou os programas; e disse-lhes:
"Vão, multipliquem-se e encham a memória".
3. E Deus disse: "Vou criar o Programador, e ele irá governar os programas e a informação". E Deus criou o Programador, e
meteu-o no Centro Informático; e Deus mostrou a estrutura do DOS e disse: "Podes usar todos os diretórios e subdiretórios mas NUNCA UTILIZAR O WINDOWS".
4. E Deus disse: "Não é bom para o Programador estar só". Ele fez a criatura que iria olhar para o Programador e admirá-lo, e amar as coisas que ele faz.
E Deus chamou-a "Analista". E foram deixados sob o DOS e era bom.
5. Mas BILL era mais esperto que as outras criaturas de Deus. E BILL disse para o Analista: "Foi mesmo assim que Deus disse, que não podias rodar nenhum programa? Como podes falar de algo que nunca experimentaste?
No preciso momento em que rodares o WINDOWS, tornar-te-ás igual a Deus. E poderás criar tudo o que quiseres com um simples toque no mouse. Então o Analista instalou o WINDOWS, e disse ao Programador que era bom.
6. O Programador começou a procurar novos 'drivers'. E Deus perguntou-lhe:
"Que procuras?" E o Programador respondeu: "Estou à procura de novos 'drivers' que não encontro no DOS". E Deus disse:
"Quem disse que precisavas de novos 'drivers'? Rodaste o WINDOWS?"
7. E Deus disse ao BILL: "Serás odiado por todas as criaturas. E o Analista estará sempre zangado contigo. E venderás o WINDOWS para sempre, e sempre com problemas".
8. E disse ao Analista: "O WINDOWS irá desapontar-te e comer toda a tua memória; e terás que usar programas reles, e irás adormecer em cima dos manuais"
9. E disse ao Programador: "Todos os teus programas terão erros e irás corrigi-los até ao fim dos teus dias".
10. E Deus expulsou-os do Centro Informático, fechou a porta e colocou uma 'password': "GENERAL PROTECTION FAULT."

SEM ROTINA MATINAL

Mais uma primavera o irmão Nemuel (Kel) hoje completou no jardim de sua existência. E para comemorar: o vocal El Shaday organizou um café da manhã espetacular.
Às 6 da manhã eu já estava de pé, após uma deliciosa noite de sono recheados de sonhos maravilhosos - despertei ao som da sinfonia de minha mãe a reclamar nos ouvidos de meu “Paidrasto”. E, como um relâmpago lembrei da surpresa, cuidei de apressar-me para lá presenciar o acontecimento.
Não posso dizer que foi aquela emoção, pois falemos a verdade: O sexo masculino é duro na questão emocional, pra fazer um homem chorar só mesmo em caso de óbito em família, fora isso não existe outro momento. E não foi diferente no caso do nosso amigo Kel, apenas uma leve surpresa momentânea cobriu o seu semblante.
A mesa estava repleta de bolos, frutas, sucos e salgados.  E a galera a devorar cada pedaço do que tinha na mesa (veja na foto a baixo).
Momentos antes o irmão foi acordado ao som de William nascimento, Trilha sonora escolhida pela regente Odivania.
Enfim... foi muito bom sair da rotina matinal, e melhor ainda, para comemorar o aniversário do nosso líder, sem falar que a irmã Ádila também estava aniversariando e tomou carona na festa. Tudo foi muito bom, pois o simples fato de estamos com a família de Cristo reunida, nos encoraja a seguir firme e forte em caminhada ao céu de luz.


veja só a muvuca que se formou na hora da guloseima! 

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

ELEIÇÕES 2010

Deixei para o final da tarde, a árdua tarefa de teclar seis opções de votos nas eleições 2010, eleição essa que foi a mais calma da historia tanto no estado como em esfera nacional, isso mostra que os brasileiros estão mais educados.
Quando lá cheguei à minha seção eleitoral, deparei-me com poucas pessoas na fila isso já era uma 4 da tarde, a minha espera na fila foi de apenas 30 minutos, (que posso afirmar: pela primeira vez não foi demorada!) pensando eu que iria demorar levei minha revista preferida para assim ler “a super interessante” que não foi tão necessária. Ao me deparar com a urna teclei meus preciosos números, e posso vos lhes afirmar acertei todos. Saber agora se os meus candidatos ganharam? Ai meus amigos não posso vos revelar. A única certeza é: o Brasil é líder mundial em fazer uma excelente eleição! Orgulho esse que só nos brasileiros podemos exercer.

VIVA A DEMOCRACIA!

Democracia! Sim, esse pequeno gesto que nos é permitido exercer de dois em dois anos. É uma dádiva poder influir esse direito, mesmo sabendo que existem certos grupos políticos que continuam a mandar em algumas regiões do país, mas agora com total autorização do povo. A democracia que um dia nos foi tirada através do vergonhoso golpe militar de 1964, hoje após 46 anos do ocorrido podemos gritar para o mundo ouvir “viva a democracia” - sem sobra de duvida é a melhor forma de governo que uma nação possa adotar! Pois dar o direito de todos chegarem ao poder e contribuir com o desenvolvimento do seu país.
Eu que enquanto viver... estarei a exercer este direito que espero que seja eterno e jamais o passado volte a bater nas portas das famílias brasileiras. Embora não tenha presenciado as torturas do período sóbrio da política do Brasil, mas a historia nos revela os fatos. A liberdade é um bem precioso, e isso temos que preservar e lutar para que esses direitos continuem a existir, para o bem de todos e felicidade da nação!

domingo, 3 de outubro de 2010

REUNIÃO QUE VIROU AULA DE PORTUGUÊS!

Estava eu com planos, hoje pela manhã de não participar da reunião oficial da igreja, mas na ultima hora resolvi contribuir com minha humilde presença, a mesma seria realizada no povoado Cajueiro. Não que eu seja preguiçoso pra não participar da tal, mas é que eu tinha que resolver alguns problemas neste dia de Sábado, mas mudei de ideia e fui, Quando lá cheguei por volta das 09h30min, pensando estar atrasado meus ouvidos de longe escuta letras de hinos da Harpa Cristã, e logo deduzo que a reunião ordinária, apenas agora iria iniciar. Ajoelho e oro pela chegada em paz e vivo, e em seguida entrego a ata do mês de Setembro para o reverendo pastor Francisco Martins, agora veja, a ata em questão foi feita nos primeiros momentos de hoje e o meu computador meio desastroso corrigia algumas palavras totalmente fora do sentido do texto. Resultado? Uma aula de português ministrada pelo pastor para todos os presentes. Eu que de longe estava a gargalhar da situação, com os ouvidos apurados para cada explicação dada, meus neurónios a pensar e se perguntar: “que deve estar passando pela cabeça dos irmãos neste momento?”; “Será que minha capacidade de redigir um texto será julgada apenas por este erro lamentável?”. A minha mente viajou na maionese, mas logo vi que essa situação serviu apenas para eu não fazer, mas nada em cima da hora e prestar atenção nas vírgulas, pontos, e tudo mais que envolva um bom texto dissertativo. Após esse incidente envolvendo a ata que por causo dos erros e algumas coisinhas mais que não deveriam ser escrito, ela não foi aprovada, terei que a refazê-la, agora nos mínimos detalhes da língua portuguesa e concordância verbal. Enfim... após os demais assuntos da pauta da reunião que terminou lá pra uma da tarde, fomos para um delicioso almoço, que  por sinal estava muito bom!
A noite houve uma cruzada na congregação Monte Sinai, cheguei atrasadíssimo ao local, mas quando lá surgi tive uma imensa surpresa ao rever a minha querida e amada amiga Elcione Nascimento. De longe meus ouvidos codificam cada nota musical do seu “glória a Deus” e “aleluia” que já estava com saudade, não apenas eu, mas acredito que a igreja em geral estava sentindo a sua falta! Aproximei-me em silencio e fiz eu uma surpresa para ela que me abraçou com força e carinho, matando toda a saudade que de mim estava sentindo, da mesma forma euzinho que pude apreciar novamente o seu rosto aprazível, e sua voz macia feita maça bem madurinha. Após longo abraço, ao seu lado assisti o culto, ao termino do mesmo seguimos para a praça da cidade, ou melhor, para o centro de lazer de Maracaçumé: “A Italianinha”, o poit mais modesto desta humilde cidade. Por lá ficamos a colocar as conversas em dias até à hora de irmos para a casa descansar, para amanhã cedo nos direcionamos para as urnas eletrônicas e, mais uma vez exercermos os nossos direitos de cidadãos nas eleições 2010.

          



        

   

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

CIDADE DO SOL


Essa semana passei alguns dias em Teresina - PI, a capital mais quente deste país Tropical, não sei como um ser vivo consegue habitar num lugar daquele? Mas deixa pra lá, acho que isso é questão de costume, o Maranhão também não é essa frieza toda.
Esses dias longe me fizeram muito bem, distante dos problemas que às vezes estressam a mente, além de fazer um checape geral, e detectar que estar tudo bem, digo nada muito grave que me leve para o outro mundo.
Mais ao chegar a este lugar que não consigo suportar, me veio uma imensa vontade de voltar e por lá ficar. Apesar da quentura, é uma capital com opção de se ocupar o tempo e o cérebro, diferente desta cidade sem opção de lazer e de cultura.
Já disse neste canal de comunicação que Maracaçumé não estar em meus planos para o futuro, e quanto mais o tempo passo, mas crio convicção desta idéia. As pessoas que me cercam são adoráveis e sentirei muita saudade de cada uma delas, mas torcendo para que todas se libertem desse "muquinfe" de cidade. Isso aqui não ficou para quem almeja algo de grandioso para a sua vida, mas sim... para quem quer se estabilizar, formar família e viver eternamente amém, ate que a morte venha ao encontro para o levar ao outro lado da vida... que não sei onde fica, mas que existe!
Enfim... espero suportar até meados do fim do ano neste lugar, mas se caso meus caros amigos não me virem mais passeado com a minha Pop 100 nas ruas esburacadas é por que me fui, não sei pra que lugar, mas fui...


     
← Postagens mais recentes Postagens mais antigas → Página inicial
Editado e Instalado por